Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Sonaecom baixa lucros em 24,6% e reduz dividendo para 8,3 cêntimos

As mais-valias obtidas com a venda da Wedo e da Saphety foram inferiores às conseguidas com a Outsystems.

Sonaecom
Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 10 de Março de 2020 às 20:45
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

A Sonaecom anunciou esta terça-feira que registou resultados líquidos de 51,5 milhões de euros em 2019, o que representa uma descida de 24,6% face ao alcançado em 2018.

 

O EBITDA desceu 53,8% para 30,5 milhões de euros, um valor que a empresa diz ser impactado de forma positiva pela mais-valia gerada nas vendas da Wedo e da Saphety, negócios que geraram mais-valias de 11,5 milhões de euros.

 

Em 2018 a Sonaecom tinha gerado uma mais-valia de 38,3 milhões de euros devido a uma ronda de financiamento realizada pela Outsystems.

 

O volume de negócios da empresa aumentou 21,1% para 132,4 milhões de euros. Tendo em conta o mesmo perímetro de negócios, as receitas subiram 3,8%, um crescimento que a Sonaecom atribui às unidades de tecnologia e media. A participação de 50% na ZOPT, maior acionista da Nos, é o maior ativo da empresa.

 

A Sonaecom chegou ao final de 2019 com uma posição em "cash" de 236,5 milhões de euros.

 

A gestão da empresa optou por recomendar o pagamento de um dividendo de 8,3 cêntimos por ação, mantendo assim a estratégia de entregar aos acionistas metade dos lucros obtidos ("payout" de 50%). Como os lucros baixaram o valor do dividendo também é menor. No ano passado a companhia pagou um dividendo de 0,112 euros.

 

Ao dividendo que vai ser pago este ano corresponde uma rentabilidade de 4,6%.

Ver comentários
Saber mais Sonaecom resultados
Mais lidas
Outras Notícias