Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

TAP garante protecção aos passageiros

A TAP garante que, até agora, todos os passageiros afectados pela greve dos pilotos, estão a ser reencaminhados para voos da Portugalia ou para os de outras companhias aéreas que operam nas mesmas rotas.

Celso Filipe cfilipe@negocios.pt 24 de Setembro de 2009 às 11:38
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...
A TAP garante que, até agora, todos os passageiros afectados pela greve dos pilotos, estão a ser reencaminhados para voos da Portugalia ou para os de outras companhias aéreas que operam nas mesmas rotas.

“Não estão sem protecção” afirmou ao Negócios fonte oficial da TAP, admitindo que esta situação está a provocar atrasos, mas que os passageiros acabam por ser transportados por outras transportadoras que operam na Portela. A TAP reconhece que os níveis de adesão à greve “são expressivos”, mas acrescenta que alguns pilotos da companhia já realizaram voos.

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil, que convocou a greve de hoje e a manhã na TAP anunciou, entretanto que vai formalizar uma queixa junto do Instituto de Desenvolvimento e Inspecção das Condições de Trabalho (IDICT), “contra aquilo que considera ser uma violação grosseira e premeditada da Lei da Greve pela Administração”.

De acordo com os dados que o SPAC conseguiu apurar, e para além dos serviços mínimos, apresentaram-se apenas duas tripulações ao serviço, o que representa uma adesão à greve superior a 95%. O SPAC acusa a administração da TAP de estar a “recorrer ao fretamento de aviões numa tentativa desesperada de contornar os efeitos de um conflito para o qual contribuiu decisivamente, uma vez que se mostrou indisponível para encontrar uma solução negociada para o Acordo de Empresa”. A TAP diz que a greve terá um custo diário de cinco milhões de euros.



Ver comentários
Outras Notícias