Telecomunicações Telecomunicações são o setor mais reclamado pelos consumidores portugueses há 12 anos

Telecomunicações são o setor mais reclamado pelos consumidores portugueses há 12 anos

Em 2018, a Deco recebeu 35 mil contactos, entre pedidos de informação e reclamações, que tinham o setor das telecomunicações como alvo. Este ano, só até abril, já foi contactada por 12 mil consumidores pelo mesmo motivo.
Telecomunicações são o setor mais reclamado pelos consumidores portugueses há 12 anos
Miguel Baltazar
Negócios 17 de maio de 2019 às 06:00
No dia mundial das telecomunicações e da sociedade de informação, assinalado esta sexta-feira, 17 de maio, a Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor (Deco) partilha uma estatística que não abona a favor desta área: há mais de 12 anos que este setor ocupa o primeiro lugar do ranking das reclamações que chegam à associação, uma tendência que não dá sinais de inversão.

No ano passado, a associação recebeu cerca de 35 mil contactos, entre pedidos de informação e reclamações, que tinham o setor das telecomunicações como alvo. "De 1 de janeiro a 30 de abril deste ano, perto de 12 mil consumidores contactaram estes serviços, devido a problemas com o seu operador de telecomunicações, prometendo, desta forma, afirmar o seu posicionamento no ranking das reclamações de 2019", indica a Deco, em comunicado enviado às redações.

Em causa, sobretudo, a exigência de fidelização por parte das operadoras e os custos associados aos pacotes, bem como a falta de transparência das alterações contratuais e a qualidade dos serviços.

Para assinalar este dia mundial das telecomunicações, e para dar resposta a alguns dos problemas mais levantados pelos consumidores, a associação preparou um conjunto de dicas para escolher o melhor tarifário e cuidados a ter na contratação dos serviços das operadoras, que podem ser consultadas no portal da Deco Proteste.

A decisão, aconselha a associação, deve ser tomada em quatro passos: comparação de preços; garantia de que os serviços fixos e móveis se mantêm separados; definição de quantos cartões são necessários e verificação da cobertura de rede. A página da Deco inclui um simulador para que os consumidores possam comparar os vários tarifários com aquele que utilizam atualmente, apresentando os preços para cada tipo de serviços pretendidos.

A Deco acrescentou ainda novas funcionalidades no seu portal de reclamações, com a criação de um novo sistema, "mais fácil e rápido", que permite apresentar reclamações "de forma simples e intuitiva".



pub

Marketing Automation certified by E-GOI