Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Telefónica aumenta lucros em 9,4%

A Telefónica aumentou os lucros do terceiro trimestre deste ano em 9,4%, impulsionados pela recuperação das vendas na América Latina, pelas receitas na área móvel e pela redução de custos, anunciou hoje a operadora espanhola de telecomunicações.

Negócios 13 de Novembro de 2003 às 11:30
  • Partilhar artigo
  • ...

A Telefónica aumentou os lucros do terceiro trimestre deste ano em 9,4%, impulsionados pela recuperação das vendas na América Latina, pelas receitas na área móvel e pela redução de custos, anunciou hoje a operadora espanhola de telecomunicações.

Os lucros atingiram, no período em análise, os 588,7 milhões de euros, o que compara com resultados líquidos de 538,1 milhões de euros no mesmo período do ano passado. As vendas cresceram 6,4% para 7,27 mil milhões, o que acontece pela primeira vez em sete trimestres.

O EBITDA («cash flow» operacional) atingiu 3,34 mil milhões de euros, o que reflecte um crescimento homólogo de 17%.

Os analistas contactados pela Bloomberg esperavam uma média de lucros de 780 milhões de euros e vendas de 7,27 mil milhões, estimando um EBITDA de 3,23 mil milhões.

Uma das componentes que levou ao crescimento dos lucros foi a redução de custos. Para o efeito, a Telefónica tem um programa de redução de postos de trabalho que atinge 20 mil pessoas. A companhia terá um custo extraordinário no quarto trimestre de 894,5 milhões de euros referente à redução de 5.489 postos de trabalho este ano. Os custos operacionais caíram 1,3% para quatro mil milhões de euros.

Por outro lado, a Telefónica conseguiu registar um crescimento nas vendas. As vendas nas unidades de telecomunicações fixas na América Latina cresceram 16% para 1,69 mil milhões, continuando a queda em Espanha. O negócio fixo no país de origem da Telefónica caiu, em termos de receitas, 0,6% para 2,54 mil milhões. O negócio móvel continua a crescer, tendo as receitas aumentado 15% para 2,67 mil milhões.

A Telefónica conseguiu, ainda, reduzir o nível de endividamento em dois mil milhões de euros face a Dezembro, fixando a dívida fixado no final de Setembro nos 20,46 mil milhões de euros.

A Telefónica [TEF SM] segue em alta na bolsa de Madrid, a valorizar 1,39% para os 10,95 euros.

Ver comentários
Outras Notícias