Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Trabalhadores da Iberia mantêm greve após nova falha nas conversações

Os trabalhadores da companhia aérea espanhola Iberia continuam a greve iniciada ontem, que está a afectar mais de 200 voos diários, depois de terem falhado novamente as conversações com a direcção da companhia.

Paulo Moutinho 11 de Julho de 2006 às 10:20
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Os trabalhadores da companhia aérea espanhola Iberia continuam a greve iniciada ontem, que está a afectar mais de 200 voos diários, depois de terem falhado novamente as conversações com a direcção da companhia.

Os representantes do sindicato dos pilotos da Iberia e a administração da empresa estiveram em negociações ontem à noite não tendo, no entanto, chegado a qualquer entendimento.

A greve teve início ontem e decorrerá até o próximo domingo dia 16 de Julho. Em causa estão as condições de trabalho e as garantias de emprego exigidas pelos pilotos, numa altura em que a Iberia tenciona adquirir 20% da Catair, uma companhia aérea «low cost» que está a ser constituída em Barcelona.

Segundo o porta-voz da companhia, Jaime Perez-Guerra, a greve deverá custar à Iberia 5 milhões de euros por dia, até um máximo de 35 milhões de euros, incluindo as perdas com as vendas e custos adicionais.

Caso a greve dos pilotos se mantenha até ao dia 16 de Julho, irá impedir a realização de 1.700 voos – dos quais 21 com destino a Lisboa – afectando na totalidade 200 mil passageiros, afirmou à Bloomberg, Jaime Perez-Guerra,

De acordo com a mesma fonte, a Iberia está a oferecer aos passageiros o reembolso completo das viagens canceladas ou a possibilidade de adiarem a sua viagem para datas após o período de greve.

Outras Notícias