Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Transportadores de mercadorias aumentam preços para combater subida do gasóleo

Os transportadores de mercadorias decidiram aumentar os preços dos fretes, «de imediato», devido ao novo aumento do preço do gasóleo na quinta-feira, anunciou hoje a associação do sector em comunicado.

Negócios negocios@negocios.pt 28 de Abril de 2006 às 09:14
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Os transportadores de mercadorias decidiram aumentar os preços dos fretes, «de imediato», devido ao novo aumento do preço do gasóleo na quinta-feira, anunciou hoje a associação do sector em comunicado.

Segundo a Lusa, a Associação Nacional de Transportadores Públicos Rodoviários de Mercadorias (ANTRAM) alega que o aumento do preço dos fretes é a única forma de diminuir o crescimento dos prejuízos que o sector tem enfrentado.

«Esta é a quarta subida no preço dos combustíveis este mês, o que obriga os transportadores a passarem para o preço dos seus serviços este novo aumento, para não terem de encerrar definitivamente as portas», afirmou o presidente da ANTRAM.

Segundo Álvaro Teixeira, em quase todos os segmentos do sector as empresas rodoviárias de mercadorias «estão a operar com margens negativas na ordem dos 4 por cento, isto é, venda com prejuízo, dado que os preços dos serviços prestados não acompanharam o aumento dos custos, o que é ilegal e suicida».

O presidente da ANTRAM alerta para o «clima de forte descontentamento no meio empresarial» que receia «possa vir a agravar as tensões sociais no sector», acrescenta o comunicado.

A nota avisa ainda para a eventualidade de «situações de menor segurança rodoviária» provocadas pelo «emprego excessivo dos factores de produção» devido à «falta de capitalização do sector».

Quinta-feira, a Galp anunciou novo aumento das gasolinas em mais dois cêntimos por litro e dos gasóleos em 1,5 cêntimos, o quarto este mês, invocando o crescente aumento do preço do crude.

Ver comentários
Outras Notícias