Tecnologias Twitter afunda mais de 14% após ter perdido mais de um milhão de utilizadores

Twitter afunda mais de 14% após ter perdido mais de um milhão de utilizadores

A rede social liderada por Jack Dorsey apresentou lucros, pelo terceiro trimestre, superou as estimativas de receitas, mas perdeu utilizadores face aos primeiros três meses do ano.
Twitter afunda mais de 14% após ter perdido mais de um milhão de utilizadores
Rita Faria 27 de julho de 2018 às 13:44

A rede social dos 140 caracteres fechou o segundo trimestre deste ano com receitas acima do esperado e um resultado líquido positivo, que compara com prejuízos de mais de 100 milhões de dólares no período homólogo. No entanto, o Twitter perdeu utilizadores e antecipa que o número vá registar maiores descidas.

As acções da empresa estão a afundar 14,25% para 36,83 dólares. 

Entre Abril e Junho deste ano, o Twitter viu as suas receitas aumentarem 24% para 710,5 milhões de dólares, um valor acima do esperado pelos analistas que antecipavam um total de 697,3 milhões de dólares. Os lucros totalizaram 100,1 milhões de dólares, ou 13 cêntimos por acção, o que compara com perdas de 116,5 milhões, ou 16 cêntimos por acção, no mesmo período do ano passado.

A receita internacional aumentou 44% em termos homólogos enquanto as vendas nos Estados Unidos, o maior mercado, avançaram 10%.

Contudo, o Twitter revelou esta sexta-feira, 27 de Julho, antes da abertura do mercado, que o número de utilizadores mensais desceu em um milhão no segundo trimestre, e antecipou que a evolução continuará a ser negativa à medida que a rede social continua a combater o spam e as contas falsas.  

Os utilizadores caíram de 336 milhões, no primeiro trimestre, para 335 milhões, no segundo, ainda que este número represente uma subida de 2,8% em termos homólogos. A rede social atribui a descida estimada não só aos esforços para "limpar" a plataforma, como também às regras de privacidade mais apertadas na Europa.

"Estamos confiantes de que isto serve os melhores interesses da empresa e permitirá crescimento no longo prazo, à medida que melhorarmos a ‘saúde’ das conversas públicas no Twitter", adiantou a empresa, no comunicado onde revela os seus resultados do segundo trimestre.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI