Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

União Europeia poderá permitir entrada da Ethiad na Alitalia

Apesar de não ser uma posição oficial nem vinculativa, a Comissão Europeia defende que não tem competência para impedir a eventual compra da Alitalia por parte da companhia aérea Ethiad.

Bloomberg
David Santiago dsantiago@negocios.pt 04 de Fevereiro de 2014 às 14:08
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Depois de na passada segunda-feira a companhia alemã Lufthansa ter pedido a intervenção de Bruxelas, por forma a impedir a concretização do negócio que permitiria a aquisição da italiana Alitalia pela Ethiad Airways,  esta terça-feira o diário italiano “la Repubblica” refere que a Comissão Europeia terá declarado, de forma não oficial, que “o pedido da companhia alemã sobre ajudas estatais não entra nas nossa competências porque se trata de um país não comunitário”, em referência aos Emirados Árabes Unidos onde a Ethiad está sediada.

 

Um funcionário da Comissão Europeia, citado pelo ”la Repubblica” precisa que “a base legal para exercer controlo sobre a validade da ajuda de um estado se circunscreve exclusivamente a ajudas fornecidas por um estado-membro” da união. Mesmo assim, o porta-voz da União Europeia para a Concorrência, Antoine Colombani, garante que “a Comissão continua a analisar o aumento de capital levado a cabo pela Alitalia e está a seguir o desenrolar do negócio com atenção”.

 

De acordo com o “La Stampa”, o ministro das Infaestruturas e dos Transportes, Maurizio Lupi, terá mostrado a sua satisfação com a posição de Bruxelas, por considerar que a Lufthansa “pretendia a falência da Alitalia, para prejudicar o nosso mercado e orientar os nossos aeroportos para serviços de pequena escala e, assim, alimentar o tráfego de Frankfurt e Munique”. 

Ver comentários
Saber mais Lufthansa Ethiad Airways Bruxelas Comissão Europeia
Outras Notícias