Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Varig pede protecção judicial ao abrigo da lei de falências para manter frota de aviões

A maior companhia aérea brasileira decidiu na passada sexta-feira solicitar a protecção judicial do seu país de origem, ao abrigo da nova legislação sobre processos de falência, em vigor desde 9 de Junho, conseguindo desta forma «ganhar» 60 dias, para ela

Bárbara Leite 20 de Junho de 2005 às 08:41
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A maior companhia aérea brasileira decidiu na passada sexta-feira solicitar a protecção judicial do seu país de origem, ao abrigo da nova legislação sobre processos de falência, em vigor desde 9 de Junho, conseguindo desta forma «ganhar» 60 dias, para elaborar um plano de recuperação que responda às exigências dos seus credores.

A Varig, actualmente em negociação com a portuguesa TAP para a venda de 20% do seu capital social, tem dívidas no valor de dois mil milhões de dólares (1,65 mil milhões de euros), sendo o Estado brasileiro o seu maior credor.

Leia esta notícia na íntegra na edição de hoje do Jornal de Negócios.

Ver comentários
Outras Notícias