Automóvel Venda de automóveis na UE regista melhor outubro desde 2009

Venda de automóveis na UE regista melhor outubro desde 2009

As vendas de carros na União Europeia tiveram o melhor outubro desde 2009. Contudo, o acumular das vendas ao longo de 2019 ainda é negativo.
Venda de automóveis na UE regista melhor outubro desde 2009
Tiago Varzim 19 de novembro de 2019 às 09:21
A venda de automóveis de passageiros aumentou 8,7% no mês passado, em termos homólogos, atingindo quase 1,2 milhões de carros. Este é o maior volume de vendas registado em outubro desde 2009, segundo os dados divulgados esta terça-feira, 19 de novembro, pela Associação de Construtores Europeus de Automóveis (ACEA).

Durante outubro do ano passado as vendas de carros tinham caído 7,3% após a introdução do protocolo de medição de emissões WLTP, o que tornou a base de comparação mais baixa. 

Por causa desse efeito, quase todos os países da União Europeia viram as vendas de carros subirem de forma significativa em outubro deste ano, com a exceção do Chipre e do Reino Unido onde as vendas caíram 6,7%.

Entre os principais mercados, excluindo o britânico, o destaque vai para a Alemanha onde o número de carros vendidos subiu 12,7%, seguindo-se França com 8,7%, Itália com 6,7% e Espanha com 6,3%.

Apesar desta evolução em outubro, o acumulado do ano continua a ser negativo para as vendas do setor automóvel. Os 10 primeiros meses de 2019 registam uma queda de 0,7%, em comparação com o mesmo período do ano passado.

O mercado alemão é o único, entre os principais mercados, que sobe (3,4%) no acumulado do ano. Em Espanha, as vendas registam uma queda acumulada de 6,3%. No Reino Unido, a queda acumulada é de 2,9%. Em Itália (-0,8%) e em França (-0,3%), as vendas quase recuperaram o nível registado em 2018.

Em Portugal, segundo os dados da ACEA, foram vendidos mais 12,2% automóveis de passageiros em outubro, mas no conjunto do ano regista-se uma queda de 3,5%. Incluindo na conta também os veículos pesados, as vendas de carros em Portugal subiram 7% em outubro e acumulam uma queda de 3,1%, segundo os dados da Associação Automóvel de Portugal (ACAP).

A maior parte dos carros vendidos na União Europeia continua a ser da Volkswagen (24,4%), seguindo-se a PSA (16,3%) e a Renault (10,6%). Em oitavo lugar surge o grupo FCA (6,1%), que detém a Fiat, que vai fundir-se com a PSA.



Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI