Automóvel Vendas de automóveis na Europa travam pelo oitavo mês

Vendas de automóveis na Europa travam pelo oitavo mês

As vendas de carros na Europa continuam a desacelerar. A quebra da procura no Reino Unido tem minado os resultados.
Vendas de automóveis na Europa travam pelo oitavo mês
Ana Batalha Oliveira 17 de maio de 2019 às 09:36

Abril foi o oitavo mês consecutivo no qual as vendas automóveis na Europa registaram uma retração. O declínio da procura no Reino Unido, associado ao Brexit, tem sido dos principais fatores a motivar o desempenho negativo.

A Associação Europeia de Fabricantes Automóveis (ACEA)aponta uma quebra nas vendas de veículos automóveis de 1% para os 1,22 milhões em abril. No Reino Unido a queda foi de 4,1%, numa altura em que o Goldman Sachs estima que a incerteza política vivida por causa do Brexit tenha tido um efeito negativo de 2,4% na economia. A previsão é de que o crescimento neste território abrande em 2019. 

A União Europeia viu as vendas de automóveis decrescerem 2,6% nos quatro meses até abril, para um total de quase 5,5 milhões. No mesmo espaço de tempo, Portugal desceu mais acentuadamente em comparação com a média do bloco, com uma quebra de 4,8% para os 84,6 mil.

Olhando às marcas, são duas japonesas a ocupar polos opostos: a Nissan destaca-se com o pior desempenho em termos de vendas desde o início do ano, com uma queda de mais de 26%. Já a Mitsubishi foi a que mais cresceu entre janeiro e abril, com mais 17% de vendas em comparação com o ano anterior.

A Europa não é caso único. No mercado chinês, a procura por automóveis afundou 16,6% em abril, a maior quebra numa geração.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI