Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Vendas da Sociedade Central de Cervejas e Bebidas crescem 3,5%

As vendas da Sociedade Central de Cervejas e Bebidas (SCCB) cresceram 3,5% no primeiro semestre de 2005, anunciou a empresa em comunicado acrescentando que a facturação atingiu os 117 milhões de euros.

Maria João Soares mjsoares@negocios.pt 09 de Agosto de 2005 às 16:10
  • Partilhar artigo
  • ...

As vendas da Sociedade Central de Cervejas e Bebidas (SCCB) cresceram 3,5% no primeiro semestre de 2005, anunciou a empresa em comunicado acrescentando que a facturação atingiu os 117 milhões de euros.

A SCCB vendeu 2,5 milhões de hectolitros no mercado nacional.

«As principais contribuições foram dadas pela Cerveja Sagres e pela Água do Luso», refere o comunicado.

Entre Janeiro e Junho de 2005 forma vendidos 1,1 milhões de hectolitros de Cerveja Sagres, equivalente a 83,5 milhões de euros, um crescimento de 8,3% face ao período homólogo.

As vendas de Água do Luso atingiram os 945 mil hectolitros, correspondentes a 18,2 milhões de euros, mais 3,1% que no primeiro semestre de 2004.

«Resultados que reflectem a nova atitude da SCC no mercado nacional e a sua crescente aposta na inovação, com o lançamento de novos produtos ocmo a Sagres Bohemia, a Sagres Zer0% e a Luso Fresh (com e sem sabores)», acrescenta a mesma fonte.

A Sociedade Central de Cervejas e Bebidas é detida integralmente pela Scottish & Newcastle.

O banco de investimento Dresdner disse hoje que as elevadas temperaturas em Portugal, o quarto maior mercado da Scottish & Newscastle, deverão impulsionar os resultados do segundo semestre da empresa.

Outras Notícias