Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Vendas de automóveis atenuam queda em Agosto

ACAP diz que abrandamento da queda nas vendas de automóveis não significa um comportamento menos desfavorável do mercado.

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 03 de Setembro de 2012 às 18:46
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...
As vendas de automóveis ligeiros baixaram 37,8% em Agosto, para 6.228 unidades, anunciou hoje a ACAP, alertando que a queda menos acentuada face aos meses anteriores não traduz um comportamento do mercado menos favorável.

Em termos acumulados (entre Janeiro e Agosto face ao mesmo período do ano passado) a queda nas vendas é de 42,8%. A ACAP sinaliza que a queda menos acentuada verificada em Agosto “poderia indiciar uma evolução menos desfavorável no mês de Agosto”, mas “o facto de o mercado ter apresentado uma evolução fortemente negativa desde Junho de 2011 tem conduzido a quedas homólogas mensais menos acentuadas no segundo semestre de 2012”.

Entre os automóveis ligeiros, a queda voltou a ser mais forte entre os comerciais, onde a descida foi de 58,2% para apenas 785 unidades no mês de Agosto. No acumulado do ano a queda é de 55,2%.

Já nos ligeiros de passageiros as vendas desceram 33,1% para 5.443 unidades em Agosto, enquanto no acumulado do ano recuaram 40,4% para 68.103 unidades.

A ACAP considera que “a queda de receita do ISV é de 45,1%, até Julho, o que é resultado da desastrosa política fiscal sobre o automóvel que foi introduzida com o Orçamento do Estado para 2012”.

A Renault continua como a marca mais vendida em Portugal, apesar da queda de 40,5% sentida nos primeiros oito meses do ano, para 7.489 unidades.

A queda entre as marcas presentes em Portugal é quase generalizada. Entre as 20 maiores, apenas uma não assistiu a uma contracção nas vendas superior a 10%. Foi a Audi, que é agora a quinta marca mais vendida, com um recuo até Agosto de 9,2%.
Ver comentários
Saber mais ACAP automóveis
Outras Notícias