Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Vendas do grupo Dia em Portugal caem 7%

O grupo que controla os supermercados Minipreço diz que este ano em Portugal as condições são "muito adversas", o que teve um impacto nas vendas, que desceram mais do que em qualquer outro mercado da cadeia Dia.

Eduardo Martins/Correio da Manhã
Miguel Prado miguelprado@negocios.pt 27 de Outubro de 2014 às 09:34
  • Partilhar artigo
  • 6
  • ...

O grupo espanhol Dia, que em Portugal controla a rede de supermercados Minipreço, sofreu no mercado português uma queda de 7,1% nas vendas dos primeiros nove meses do ano, que foram de 662,7 milhões de euros, de acordo com o relatório e contas divulgado esta segunda-feira. Portugal foi o mercado do grupo em que as vendas mais desceram.

 

Com este desempenho, Portugal passou a representar 9,7% das vendas brutas do grupo Dia, abaixo dos 10,3% que valia nos primeiros nove meses do ano passado. A maior parte do negócio do grupo continua em Espanha (55,7%), seguindo-se o Brasil (18,4%) e a Argentina (14%).

 

Em Espanha as vendas brutas desceram 1,7%, no Brasil subiram 3,4% e na Argentina baixaram 1,9%. Na China, que tem menor peso no grupo, as vendas diminuíram 1% face ao ano passado.

 

Em termos líquidos, as vendas do grupo Dia em Portugal recuaram 7,5% nos primeiros nove meses do ano, para 548,4 milhões de euros, tendo o peso do mercado português nas contas da cadeia espanhola descido de 10% em 2013 para 9,4% este ano.

 

"Em Portugal as condições do negócio são muito adversas, o que se traduz numa pior evolução operacional do que teve Espanha", refere a companhia espanhola no seu relatório dos primeiros nove meses do ano.

 

Globalmente, o grupo Dia teve até Setembro uma descida de 1,4% nas suas vendas brutas, para 6,8 mil milhões de euros, enquanto as vendas líquidas baixaram 1,6%, para 5,8 mil milhões.

 

Numa base recorrente, o EBITDA (resultado antes de juros, impostos, depreciações e amortizações) subiu 1,1% no período de Janeiro a Setembro, para 399,7 milhões de euros. Já o resultado líquido (ajustado) melhorou 5%, para 173 milhões de euros.

Ver comentários
Saber mais grupo Dia Portugal retalho supermercados Minipreço
Outras Notícias