Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Vivo cai 1% após veto do Estado na venda à Telefónica

A Vivo iniciou a negociação no Brasil em queda. As acções da operadora móvel brasileira cuja venda à Telefónica foi vetada pelo Estado, apesar de aprovada pelos accionistas da Portugal Telecom, estão a perder quase 1%.

Paulo Moutinho 30 de Junho de 2010 às 14:48
  • Partilhar artigo
  • 2
  • ...
A Vivo iniciou a negociação no Brasil em queda. As acções da operadora móvel brasileira cuja venda à Telefónica foi vetada pelo Estado, apesar de aprovada pelos accionistas da Portugal Telecom, estão a perder quase 1%.

Os títulos da empresa líder no segmento da rede móvel no Brasil seguem a desvalorizar 0,95% para 46,85 reais. Chegaram a perder um máximo de 1,52% na negociação no Bovespa.

Esta descida surge depois do fracasso na tentativa de compra por parte da Telefónica da posição que a PT detém na Brasilcel, a “holding” que controla a Vivo. Cada uma das operadoras tem 50%.

Na assembleia geral de accionistas, a venda por 7,15 mil milhões de euros foi aprovada com larga maioria. No entanto, o negócio não se concretizou uma vez que o Estado português exerceu o poder de veto que lhe é conferido pela “golden share”.

Ver comentários
Outras Notícias