Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Vulcão da Islândia causou mais de 200 milhões de prejuízos por dia

O vulcão Eyjafjallajokull, da Islândia, que entrou em erupção e provocou uma nuvem de cinzas que obrigou ao cancelamento do espaço aéreo europeu, causou prejuízos de mais de 200 milhões de dólares, por dia, nos dias entre 15 e 20 de Abril, segundo o balanço dado hoje a conhecer pela maior associação de companhias aéreas, a IATA.

Ana Torres Pereira atp@negocios.pt 04 de Maio de 2010 às 09:51
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O vulcão Eyjafjallajokull, da Islândia, que entrou em erupção e provocou uma nuvem de cinzas que obrigou ao cancelamento do espaço aéreo europeu, causou prejuízos de mais de 200 milhões de dólares, por dia, nos dias entre 15 e 20 de Abril, segundo o balanço dado hoje a conhecer pela maior associação de companhias aéreas, a IATA.

A nuvem do vulcão Eyjafjallajokull provocou o cancelamento de um total de 100 mil voos em toda a Europa. O maior impacto aconteceu nos dias 18 e 19 de Abril, quando 19 mil voos por dia foram cancelados.

Inicialmente, a IATA estimou perdas de 200 milhões de dólares por dia, em termos de receitas de passageiros, no entanto, na realidade esse número poderá ser superior. No total, as perdas acumuladas poderão ter atingido os 1,7 mil milhões de dólares.

Só na segunda-feira, 19 de Abril, a IATA aponta para perdas de 400 milhões de dólares, com o encerramento do espaço aéreo.

Os principais mercados afectados foram: o Reino Unido, Alemanha e França.

Por dia foram afectados 1,2 milhões de passageiros, sendo que a Comissão Europeia aponta que tenham sido afectados no acumulado um total de 10 milhões de passageiros.

Ver comentários
Mais lidas
Outras Notícias