Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Acciona investe 150 milhões em Portugal para duplicar no solar

"Este objetivo na produção responde à procura das empresas portuguesas, cada vez mais comprometidas com a sustentabilidade e a redução da pegada de carbono de suas atividades", afirma a Acciona.

A segunda ronda de leilões solares voltou a bater recordes mundiais ao atingir o preço mais baixo de venda de energia fotovoltaica.
iStockphoto
Negócios jng@negocios.pt 17 de Novembro de 2020 às 16:18
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A Acciona planeia duplicar a  capacidade atual do seu parque energético em Portugal com um investimento até 150 milhões de euros nos próximos cinco anos.

"Este objetivo na produção responde à procura das empresas portuguesas, cada vez mais comprometidas com a sustentabilidade e a redução da pegada de carbono de suas atividades", justifica a empresa, no comunicado enviado às redações. Em média, desde 2017 que a comercialização de energia limpa da Acciona cresce 30% ao ano no país.

A empresa está presente em Portugal desde 1948 em várias áreas de atuação e, nos últimos 15 anos, como produtora de eletricidade 100% renovável. Possui atualmente uma central solar fotovoltaica na Amareleja e conta 16 parques eólicos. Segundo a própria, desde 2015 que se tornou a maior produtora de energia verde a atuar no país.

A nível global, contribuiu no último ano para a redução em 15 milhões de toneladas na emissão de dióxido de carbono para a atmosfera – equivalente à retirada de mais de três milhões de veículos de circulação. A divisão de energia da Acciona encontra-se presente em 16 países e assegura uma produção de 10.240 MW, através de parques eólicos, centrais hidroelétricas, centrais fotovoltaicas, centrais de biomassa e, ainda, uma central solar termoelétrica, localizada nos Estados Unidos.

Ver comentários
Saber mais Portugal Acciona Acciona energia energias alternativas ambiente energias renováveis
Outras Notícias