Energia Bloco de Esquerda quer redução do IVA na electricidade no Orçamento

Bloco de Esquerda quer redução do IVA na electricidade no Orçamento

A coordenadora do Bloco de Esquerda (BE), Catarina Martins, defendeu hoje a redução da taxa de IVA na electricidade, no próximo Orçamento de Estado (OE).
Bloco de Esquerda quer redução do IVA na electricidade no Orçamento
EPA
Lusa 23 de julho de 2018 às 12:49

Numa ação de contacto com populares realizada esta manhã na feira de Espinho, a coordenadora do BE disse que é preciso baixar aquele imposto, porque "é muito difícil explicar como é que o IVA de um bem essencial como a electricidade está na taxa máxima".

 

"Ninguém compreende que a electricidade continue a pagar a taxa máxima de IVA quando é um bem essencial e, portanto, essa é uma correcção daquelas normas absurdas e penalizadoras do tempo da troika que ainda falta corrigir", vincou Catarina Martins, adiantando que esta medida deve estar incluída no próximo OE.

 

Além da redução do IVA, a coordenadora do BE defendeu que também é preciso acabar com as rendas excessivas do sector eléctrico, para baixar a factura da luz para todas as famílias.

 

A subida da taxa de IVA de 6% para 23% entrou em vigor a 1 de Outubro de 2011. A medida constava do programa da troika para o resgate português.

 

Outra das áreas que a coordenadora do Bloco considerou ser preciso acorrer, porque tem estado à espera há muito tempo, e que o próximo OE deve dar resposta é acabar com o factor de sustentabilidade.

 

"Foi feita uma promessa de recuperar estas pensões, de respeitar estas longas carreiras contributivas que ainda não aconteceu e nós temos muita esperança e exigência que no próximo OE se dêem passos para respeitar quem trabalhou toda uma vida", disse.

 




pub

Marketing Automation certified by E-GOI