Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

BPI reduz avaliação da EDP Renováveis para 7,00 euros

O BPI reviu em baixa a avaliação das acções da EDP Renováveis, conferindo à empresa um potencial de subida de 17% face à actual cotação.

O Haitong avalia as acções da EDP Renováveis em 8,00 euros, o que implica um potencial de valorização 35%. A recomendação é de comprar.

O banco de investimento assinala que a EDP Renováveis apresenta uma avaliação “muito atractiva”, estando a negociar em bolsa tendo em conta um cenário “muito pessimista”, com um crescimento nulo na capacidade instalada e um aumento de 50 pontos base no custo médio do capital. Trata-se de uma avaliação “injustificada, pois acreditamos que a acção deve começar a apresentar uma melhor prestação assim que as notícias nos Estados Unidos confirmarem que não era tão más como o esperado”.

O Haitong considera que o mercado reagiu de forma exageradamente negativa aos riscos regulatórios nos Estados Unidos devido à vitória de Donald Trump nas eleições. “Dado que a regulação nos Estados Unidos advém de três fontes (Presidente, Congresso e Estados) e pelo menos duas não mudaram, acreditamos que o risco regulatório é mais baixo do que está a ser apreendido pelo mercado”, acrescenta.
Miguel Baltazar/Negócios
Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 26 de Fevereiro de 2015 às 09:15
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...

O BPI cortou o preço-alvo da EDP Renováveis de 7,20 euros para 7,00 euros, explicando esta redução com as perspectivas para a Roménia, Espanha e o aumento da dívida líquida. A nova avaliação confere às acções um potencial de subida dos títulos de 17% face à actual cotação (5,976 euros).

 

Ainda assim, os analistas admitem que "o perfil de risco da acção melhorou claramente" devido ao crescimento da exposição da empresa liderada por Manso Neto aos Estados Unidos e à desalavancagem que a cotada está a fazer.

 

A recomendação para as acções foi igualmente reduzida para "neutral" devido ao corte do "target" conjugado com a subida recente dos títulos em bolsa.

 

Os analistas do BPI reviram as previsões para o negócio da empresa de energias renováveis, apontando agora para que o "EBITDA cresça a um ritmo de dois dígitos sólidos", o que supera as previsões anteriores.

 

O reforço de presença nos EUA e o potencial interesse por activos na Europa, que pode oferecer à EDP Renováveis oportunidades de gerar valor.

 

A nota de análise do BPI foi divulgada depois da EDP Renováveis ter apresentado os seus resultados referentes ao ano passado. A empresa registou uma quebra de 7% dos seus lucros para 126 milhões de euros.

 

As acções da EDP Renováveis seguem a subir 0,42% para 5,976 euros.

 

Nota: A notícia não dispensa a consulta da nota de "research" emitida pela casa de investimento, que poderá ser pedida junto da mesma. O Negócios alerta para a possibilidade de existirem conflitos de interesse nalguns bancos de investimento em relação à cotada analisada, como participações no seu capital. Para tomar decisões de investimento deverá consultar a nota de "research" na íntegra e informar-se junto do seu intermediário financeiro. 

Ver comentários
Saber mais EDP Renováveis research BPI análise
Outras Notícias