Energia EDP processa Estado e exige 717 milhões de euros

EDP processa Estado e exige 717 milhões de euros

Governo considera que a energética não tem direito a ficar com o dinheiro do fundo de hidraulicidade, entretanto extinto.
EDP processa Estado e exige 717 milhões de euros
Sábado 12 de dezembro de 2019 às 19:07
A EDP colocou uma ação administrativa contra o Estado no Tribunal Administrativo do Círculo de Lisboa, a exigir 717 milhões de euros relativos ao fundo de hidraulicidade, entretanto extinto, que servia para amortizar o impacto das secas no custo da energia.

A elétrica lembra que desde o início da primeira fase da primeira fase privatização que estava previsto que a "conta de correção da hidraulicidade" estaria afeta à EDP.

Segundo o Expresso, o Governo considera que a empresa não tem direito a ficar com esta verba.

O secretário de Estado da Energia, João Galamba, disse ao Expresso que homologou a 9 de outubro a proposta que lhe tinha sido feita por um grupo de trabalho no sentido de não dar razão às pretensões da EDP.




Marketing Automation certified by E-GOI