Energia EDP Renováveis ganha contrato eólico de 804 megawatts nos EUA

EDP Renováveis ganha contrato eólico de 804 megawatts nos EUA

A proposta da empresa comum entre a EDP Renováveis e a Shell nos EUA, a Mayflower Wind Energy, foi a vencedora de um contrato eólico offshore em Massachusetts para o fornecimento de 804 megawatts de energia limpa.
EDP Renováveis ganha contrato eólico de 804 megawatts nos EUA
Lusa
Negócios 30 de outubro de 2019 às 21:26

A "joint-venture" da EDP Renováveis e da Shell nos Estados Unidos assegurou os direitos exclusivos para o desenvolvimento de projecto eólico offshore (no mar) no Estado norte-americano de Massachusetts, informou em comunicado à CMVM a empresa liderada por Manso Neto.

 

"A EDP Renováveis (EDPR) informa que a Mayflower Wind Energy – uma joint venture atualmente detida pela EDPR Offshore North America (50%) e pela Shell New Energies US (50%), foi selecionada no leilão de Massachusetts para fornecer 804 MW de energia limpa", refere o documento.

 

O projeto Mayflower, localizado a mais de 32 quilómetros a sul de Nantucket, tem o início das operações previsto para 2025.

 

Além dos 804 MW, o projeto Mayflower também apresentou uma proposta de preços competitivos no Estado de Connecticut, no decorrer do atual processo eólico offshore, e cujo resultado está para ser anunciado, acrescenta o comunicado.

 

"Com o anúncio de hoje, a EDP Renováveis aumenta as suas opções de crescimento eólico offshore num mercado atrativo, reforçando e diversificando as opções de crescimento rentável e de longo prazo da EDPR, mantendo um perfil de risco equilibrado".

 

Para a EDPR, "a energia eólica offshore é uma parte essencial da transição energética global, proporcionando um rápido crescimento do mercado e maior competitividade".

 

Conforme anunciado em 21 de maio de 2019, a EDPR e a Engie estão em processo de criação de uma joint-venture para o segmento offshore, "com uma equipa totalmente dedicada, focada no desenvolvimento de negócio global e nas capacidades de originação de contratos de compra de energia, com o objetivo de impulsionar o crescimento e operar com maior eficiência", sublinha ainda o comunicado.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI