Energia EDP Renováveis vende mais 13,4% de projecto eólico marítimo na Escócia

EDP Renováveis vende mais 13,4% de projecto eólico marítimo na Escócia

A empresa liderada por Manso Neto vendeu uma participação de 13,4% no projecto eólico marítimo Moray Offshore por cerca de 61 milhões de euros. Isto depois de ter concluído a venda de uma posição de 20% no mesmo projecto no início do ano.
EDP Renováveis vende mais 13,4% de projecto eólico marítimo na Escócia
Rita Atalaia 14 de novembro de 2018 às 18:05

A EDP Renováveis anunciou a conclusão da venda de uma participação de 13,4% no projecto eólico marítimo Moray Offshore Windfarm East. A posição foi vendida à Diamond Generating Europe Limited por 54 milhões de libras (cerca de 61,8 milhões de euros).

 

"Com a conclusão desta transacção, a participação da EDPR no projecto MOWEL é de 43,3%, juntamente com a DGE (33,4%) e a ENGIE (23,3%)", lê-se no comunicado divulgado esta quarta-feira, 14 de Novembro, à Comissão do Mercado de Valores Mobiliário.

 

Este projecto deverá estar concluído em 2022, e conta com um contrato de remuneração de produção de electricidade de 950 megawatts no valor de 57,5 libras (65,80 euros) por megawatt hora, a preços de 2012.

 

Esta operação é anunciada depois de a EDP Renováveis ter revelado, em Março, que concluiu a venda de uma participação de 20% no projecto eólico marítimo na Escócia.

Na altura, foi ainda anunciado que a empresa liderada por Manso Neto e a japonesa Mitsubishi, através da sua subsidiária Diamond Generation Europe, tinham também chegado a acordo sobre a "venda adicional de uma participação de 13,4% por parte da EDP Renováveis à Mitsubishi Corporation, sob os mesmos termos e condições".




pub

Marketing Automation certified by E-GOI