Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Lucro da REN até Setembro caiu 4,9%

A gestora de redes energéticas nacionais lucrou 84,9 milhões de euros nos primeiros nove meses, desempenho que foi penalizado pela contribuição extraordinária mas beneficiou de uma melhoria do resultado financeiro.

Bruno Simão/Negócios
Miguel Prado miguelprado@negocios.pt 06 de Novembro de 2014 às 17:11
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...

A REN – Redes Energéticas Nacionais teve nos primeiros nove meses do ano um resultado líquido positivo de 84,9 milhões de euros, ficando 4,9% abaixo do lucro alcançado em igual período de 2013, informou a empresa em comunicado.

 

A REN explica que "os resultados foram penalizados pela contribuição extraordinária sobre o sector energético, no valor anual de 25 milhões de euros, definida pelo Orçamento do Estado para 2014".

 

Segundo a REN, sem efeitos extraordinários o lucro de Janeiro a Setembro teria sido de 106 milhões de euros, 20,5% acima do resultado líquido recorrente no mesmo período do ano passado.

 

Emílio Rui Vilar, presidente da REN, considera que os resultados dos primeiros nove meses do ano "reflectem a constância da melhoria operacional da empresa mas foram severamente afectados pelo efeito da contribuição extraordinária sobre o sector energético".  

 

O EBITDA (resultado antes de juros, impostos, depreciações e amortizações) até Setembro cifrou-se em 374,2 milhões de euros, menos 3,4% do que no período homólogo de 2013. Já o resultado financeiro melhorou 25%, passando de 105,3 milhões de euros negativos para 79 milhões negativos.

 

No final de Setembro a REN tinha uma dívida líquida de 2.432 milhões de euros, 1,5% inferior à verificada um ano antes. A base de activos regulados do grupo cresceu 1,2%, para 3.459,5 milhões de euros. 

 

O investimento da empresa nos primeiros nove meses do ano situou-se em 69,3 milhões de euros, menos 37% do que no ano passado.

Ver comentários
Saber mais REN Emílio Rui Vilar resultados
Outras Notícias