Energia Lucros da EDP Renováveis quase triplicam até setembro

Lucros da EDP Renováveis quase triplicam até setembro

A EDP Renováveis fechou os primeiros nove meses com um lucro 197% superior ao observado há um ano.
Lucros da EDP Renováveis quase triplicam até setembro
Miguel Baltazar/Negócios
Sara Antunes 30 de outubro de 2019 às 07:47
A EDP Renováveis terminou os primeiros nove meses do ano com um resultado líquido de 342 milhões de euros, mais 197% do que os 115 milhões registados em igual período do ano passado, revela a empresa em comunicado enviado para a Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

A contribuir para este desempenho estiveram as receitas, que cresceram 10% para 1,36 mil milhões de euros. A empresa liderada por João Manso Neto explica que a melhoria das receitas está relacionada com vários fatores: maior capacidade; maior preço médio de venda; impacto cambial; maior recurso eólico e "o termo esperado dos PTCs de 10 anos de certas estruturas de tax equity".

A ajudar os resultados esteve também a venda de ativos, que representaram um encaixe de 226 milhões de euros para as contas da EDP Renováveis. 

Neste contexto, o EBITDA da empresa aumentou 40% para 1,2 mil milhões de euros.

A empresa de energias renováveis reduziu a sua dívida em 0,1% para 3,06 mil milhões de euros.

No dia 15 de outubro a EDP Renováveis tinha já revelado os dados operacionais, reportando um aumento de produção de 6%.

(Notícia atualizada às 7:55 com mais informação)



Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI