Energia Vírus da China ajuda a baixar preços dos combustíveis em Portugal

Vírus da China ajuda a baixar preços dos combustíveis em Portugal

Com o petróleo em queda devido aos receios com o impacto do coronavírus na China, os preços dos combustíveis vão ficar mais baratos em Portugal na próxima semana. No acumulado do ano o saldo ainda é de subida.
Vírus da China ajuda a baixar preços dos combustíveis em Portugal
João Miguel Rodrigues
Nuno Carregueiro 24 de janeiro de 2020 às 11:25

Os preços dos combustíveis vão descer na segunda-feira em Portugal, refletindo a evolução negativa das cotações da matéria-prima nos mercados.

 

Com o novo vírus a alastrar na China, o petróleo acumula esta semana uma queda de 5%, com os investidores a temerem que o coronavírus tenha um impacto relevante na já debilitada economia chinesa, que é a maior consumidora de petróleo do mundo.

 

Nos mercados europeus a gasolina e o gasóleo registaram quedas mais contidas (em torno de 2%, tendo em conta a cotação em euros), ainda assim suficientes para provocar uma descida nos preços que os portugueses vão pagar pelos combustíveis a partir de segunda-feira, 27 de janeiro.

 

Segundo os cálculos do Negócios, há margem para uma descida de 1 cêntimo no preço por litro do gasóleo simples e de igual dimensão na gasolina simples. A confirmarem-se estas descidas, o gasóleo simples será vendido a um preço médio ligeiramente inferior, a 1,41 euros. Já a gasolina baixará para 1,526 euros. 

Será já a terceira semana consecutiva de descida dos preços em Portugal. Este alívio na fatura com os combustíveis não será contudo suficiente para compensar os fortes aumentos registados no início do ano, quando as gasolineiras aumentaram os combustíveis para refletir a taxa de carbono mais elevada e o aumento da incorporação de biocombustíveis. 

 

A evolução dos preços dos combustíveis é calculada pelo Negócios tendo por base a evolução dos derivados do petróleo (gasóleo e gasolina) e do euro. Ainda assim, a evolução dos custos dependerá de cada posto de abastecimento, da marca e da zona onde se encontra.

Os cálculos do Negócios têm por base contratos diferentes dos seguidos pelas petrolíferas (ainda que a evolução costume ser semelhante), sendo que os dados disponíveis para o Negócios só estão disponíveis até quinta-feira (faltando um dia de negociação).

 




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI