Imobiliário Avenida da Liberdade: Conheça as novas lojas de luxo

Avenida da Liberdade: Conheça as novas lojas de luxo

A procura das grandes marcas internacionais tem crescido nos últimos anos, havendo inclusive lista de espera para se instalar ali. Estão apenas disponíveis cerca de 4.800 metros quadrados nesta avenida.
Avenida da Liberdade: Conheça as novas lojas de luxo
Bloomberg
Wilson Ledo 30 de outubro de 2014 às 19:14

São cinco as novas lojas de luxo com abertura prevista até ao final do ano, diz a consultora imobiliária JLL. Guess, Hugo Boss, Boutique dos Relógios Plus, Hackett e Fendi Casa Collection vão ter novos espaços na avenida mais cara de Lisboa.

 

Com estas marcas, o número de aberturas este ano duplica para dez, concretiza. O ano passado foram 11 as insígnias de luxo a abrir portas na Avenida da Liberdade.

 

As inaugurações comprovam uma tendência crescente neste segmento, que opta por uma presença directa. "Se antes da entrada de Portugal na moeda única, os artigos de luxo eram essencialmente vendidos em lojas multimarca, actualmente 63% do comércio de luxo tem loja própria na Avenida da Liberdade", explica Patrícia Araújo da JLL.

 

Entre as 60 marcas que se distribuem ao longo dos mil metros da Avenida, contam-se nomes como Louis Vuitton, Burberry, Mont Blanc, Emporio Armani, Cartier e Ermenegildo Zegna. A maioria é de origem estrangeiro.

 

A procura das grandes marcas internacionais tem crescido nos últimos anos, havendo inclusive lista de espera para se instalar ali. Estão apenas disponíveis cerca de 4.800 metros quadrados nesta avenida, onde o valor das rendas "prime" se situa acima dos 75 euros por metro quadrado.

 

Actualmente, cerca de 30 mil metros quadrados da Avenida da Liberdade estão ocupados por retalho: 77% são cadeias retalhistas, 15% comércio tradicional e 8% novos conceitos ou lojas únicas, define a consultora. A moda ocupa metade da área ocupada.

 

Brasileiros, chineses, russos e angolanos são os principais compradores de bens de luxo neste eixo, gastando em média 871 euros, revela a JLL em comunicado.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI