Imobiliário Empresa belga investe 28 milhões em duas residências de estudantes em Portugal

Empresa belga investe 28 milhões em duas residências de estudantes em Portugal

Lisboa e Porto vão receber duas novas residências para estudantes. O projeto é da belga Xior, que vai investir cerca de 28 milhões de euros. Contudo, será a francesa Odalys a operar o projeto.
Empresa belga investe 28 milhões em duas residências de estudantes em Portugal
Sara Antunes 14 de março de 2019 às 11:20

A belga Xior anunciou que vai investir um total de 53,7 milhões de euros em três residências de estudantes na Península Ibérica. Um dos projetos é em Espanha, enquanto os outros dois são em Portugal.

 

A empresa apresentou os projetos, revelando que vai ser construída uma unidade em Lisboa, na Rua Artur Lamas, que é próximo do hospital Egas Moniz e da Universidade Lusíadas, e uma no Porto, na Rua António Granjo, perto das estações de metro Heroísmo e 24 de Agosto.

 

"O valor total destes dois projetos é de aproximadamente 28,2 milhões de euros", revelou a Xior num comunicado emitido na quarta-feira, 13 de março.

 

Ambos os projetos em Portugal serão geridos pelo grupo francês Odalys que, já na sexta-feira, tinha revelado que ia abrir duas residências para estudantes, em Lisboa e no Porto, em 2021 e 2022, respetivamente.

 

Em Lisboa, a residência terá 124 unidades, o que corresponde a 254 camas. Já no Porto o projeto terá 211 unidades, o que corresponde a 420 camas, segundo a mesma fonte.

 

Os dois projetos vão contar com lavandaria, ginásio, sala de estudo e café.

 

O mercado de alojamento de estudantes tem estado em destaque. O Governo aprovou mesmo o Plano Nacional de Alojamento Estudantil, que prevê a reabilitação de mais de 250 imóveis no país. A cidade de Lisboa vai ter mais 4.720 camas e o Porto mais 613. Na área de Lisboa outras cidades vão também beneficiar deste plano, como Almada, Cascais, Amadora e Oeiras.




Marketing Automation certified by E-GOI