Imobiliário Licenças para mediação imobiliária registam valor mais elevado desde 2012

Licenças para mediação imobiliária registam valor mais elevado desde 2012

Os dados citados pela APEMIP dão ainda conta que, até Maio de 2014, existiam em Portugal cerca de 3.280 empresas em actividade neste ramo.
Licenças para mediação imobiliária registam valor mais elevado desde 2012
Wilson Ledo 06 de outubro de 2014 às 13:45

Os pedidos de licenciamento para actividade imobiliária em Portugal registaram uma média mensal de 63 licenças emitidas entre Janeiro e Junho de 2014. Este é o valor mais alto registado desde Setembro de 2012.

 

De acordo com os dados mais recentes da Associação dos Profissionais e Empresas de Mediação Imobiliária de Portugal (APEMIP), "é possível observar um aumento na capacidade de rejuvenescimento por parte das empresas de mediação imobiliária". O desempenho é justificado pelos novos instrumentos, de que é exemplo a nova lei da mediação imobiliária.

 

As licenças emitidas variaram entre as 46 novas empresas em Janeiro e as 88 em Junho.

 

Entre Julho de 2013 e Junho de 2014, a associação estima que tenham sido emitidas aproximadamente 632 novas licenças de actividade de mediação imobiliária. Destas novas licenças, 25% (com cerca de 159 novas empresas) têm lugar no distrito de Lisboa.

 

Os dados citados pela APEMIP - no seu estudo de mercado relativo ao segundo trimestre-, dão ainda conta que, até Maio de 2014, existiam em Portugal cerca de 3.280 empresas em actividade neste ramo, registando um aumento de 22% face ao mesmo período do ano anterior. Lisboa, Porto, Faro e Setúbal representam 66% do mercado.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI