Imobiliário Preço das casas em Portugal cresceu mais do que a média da UE

Preço das casas em Portugal cresceu mais do que a média da UE

O índice que mede os preços das casas subiu 3,4% no terceiro trimestre do ano passado, face ao mesmo período de 2014. Este valor supera a média dos países da União Europeia, onde os preços cresceram 3,1%.
Preço das casas em Portugal cresceu mais do que a média da UE
Bruno Simão
Rita Faria 20 de janeiro de 2016 às 10:45

Os preços das casas em Portugal cresceram 3,4% no terceiro trimestre do ano passado, face ao mesmo período do ano anterior, revela o Eurostat esta quarta-feira, 20 de Janeiro.

Os números do gabinete estatístico da União Europeia confirmam os dados divulgados em Dezembro pelo INE, que já apontavam para a subida do índice de preços da habitação (IPHab) para o valor mais elevado em quatro anos.

Os números do Eurostat mostram que o crescimento dos preços da habitação em Portugal no período entre Julho e Setembro de 2015 superou a média dos países da Zona Euro e da União Europeia, onde o Índice de Preços das Casas aumentou 2,3% e 3,1%, respectivamente.

Porém, na comparação em cadeia – ou seja, face ao trimestre anterior – a subida dos preços em Portugal ficou abaixo da média dos parceiros europeus. Por cá, o índice subiu 0,1% face ao segundo trimestre de 2015, enquanto na Zona Euro aumentou 1% e, na União, Europeia, 1,3%.

Entre os 28 Estados-membros da União Europeia, as maiores subidas homólogas registaram-se na Suécia (13,7%), Áustria (9,3%), Irlanda (8,9%) e Dinamarca (7,2%), enquanto as maiores descidas aconteceram na Letónia (-7,6%), Croácia (-3%), Itália (-2,3%) e França (-1,2%). 

Segundo os dados divulgados pelo INE, no mês passado, o
 aumento dos preços em Portugal deve-se sobretudo à forte subida nas vendas, sobretudo de casas existentes. Entre Julho e Setembro de 2015 foram transaccionados 27.239 alojamentos, o que representou um acréscimo de 33,2% face a idêntico período do ano anterior.

 

O número de casas vendidas no terceiro trimestre foi o mais elevado desde 2010, quando em cada um dos quatro trimestres foram vendidas mais de 30 mil casas.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI