Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Três falidos Dolce Vita à venda por 15 milhões

Os Dolce Vita Ovar, Miraflores e Central Park, onde o banco espanhol Abanca tem créditos de 50 milhões de euros, tendo requerido a insolvência dos três “shoppings” no início do ano passado, estão agora à venda por 8,3 milhões, 5,4 milhões e 1,5 milhões, respetivamente.

Este conteúdo é exclusivo para Assinantes Assine já! Se já é assinante faça LOGIN
Rui Neves ruineves@negocios.pt 06 de Agosto de 2019 às 22:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • 7
  • ...
Com a falência da espanhola Chamartín, que tinha comprado o negócio imobiliário do grupo Amorim em 2006, os edifícios de escritórios e, sobretudo, os centros comerciais Dolce Vita, começaram a ser vendidos, nomeadamente a grupos e fundos internacionais.

Logo em 2015, o Dolce Vita Tejo, o maior centro comercial do país, foi vendido à norte-americana Baupost e à britânica Eurofund, por 170 milhões de euros,...
Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais dolce vita ovar miraflores central park insolvência falência chamartín abanca
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias