Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Administração da Sonae recebeu 3,3 milhões de euros em 2010

O total auferido um ano antes tinha ascendido a 4,47 milhões.

Carla Pedro cpedro@negocios.pt 05 de Abril de 2011 às 11:44
  • Assine já 1€/1 mês
  • 13
  • ...
Paulo Azevedo (na foto) recebeu 1,122 milhões de euros em 2010, na qualidade de administrador não executivo (e “chairman”) da Sonaecom, de administrador executivo e de presidente do conselho de administração da Sonaecom SGPS e de CEO da Sonae. No ano anterior, tinha auferido 1,121 milhões.

Belmiro de Azevedo, que é administrador não executivo da Sonae, recebeu um total de 436.000 euros, contra 435.900 euros em 2009.

O total de remunerações dos 11 administradores da Sonae, atribuída pela empresa e por sociedades do grupo, foi de 3,31 milhões no ano passado, contra 4,47 milhões um ano antes.

Parte da diferença deve-se ao facto de Nuno Trigoso Jordão, administrador executivo da Sonae Investimentos, não ter recebido remuneração variável em 2010. O mesmo aconteceu com Álvaro Portela. Ambos são administradores executivos.

Entre os quatro administradores executivos da Sonae, o total auferido foi 2,64 milhões de euros, contra 1,06 milhões em 2009. O total pago em 2010 aos sete membros não executivos do conselho de administração foi de 671.377 euros, ao passo que o total de 2009 ascendeu a 581.404 euros.

Ver comentários
Saber mais Sonae salários Paulo Azevedo remunerações
Outras Notícias