Indústria Novas fábricas de têxteis e calçado enfrentam falta de mão-de-obra
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

Novas fábricas de têxteis e calçado enfrentam falta de mão-de-obra

Dois dos mais representativos sectores económicos nacionais estão em plena fase de expansão industrial, mas os seus responsáveis queixam-se da dificuldade de fazer contratações para alimentar as novas infra-estruturas.
Novas fábricas de têxteis e calçado enfrentam falta de mão-de-obra
Reuters
Rui Neves 22 de julho de 2014 às 00:01

Kyaia, Evoé, AMF, Carité e Eurovilde são algumas das empresas portuguesas de calçado que precisam de mais trabalhadores para as novas fábricas que vão abrir.

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI