Indústria Prado de 1772 que foi de Champalimaud com leilão cancelado
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

Prado de 1772 que foi de Champalimaud com leilão cancelado

Após morrer às mãos da dona da Malo Clinic e de só ter despertado o interesse de sucateiros, o tribunal anulou a nova ida da fábrica tomarense à praça.
Prado de 1772 que foi de Champalimaud com leilão cancelado
A tomarense Companhia do Papel do Prado, que foi rebatizada como Prado Karton em 2003, fechou a 30 de junho de 2017.
Rui Neves 05 de dezembro de 2019 às 22:30

No lugar do Prado, em Tomar, em junho de 1772, por alvará do Marquês de Pombal, deu-se início à fabricação de papel. Ao fim de 245 anos de laboração, e vários nomes e proprietários depois,

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI