Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Trabalhadores da Molin receberam indemnizações ao fim de 11 anos

Os 160 trabalhadores compareceram ontem no Tribunal do Comércio de Gaia para receber os créditos de 1,1 milhões de euros

Negócios negocios@negocios.pt 04 de Abril de 2012 às 10:32
  • Partilhar artigo
  • 2
  • ...
Ao fim de 11 anos, os trabalhadores da Molin, a histórica empresa portuguesa de material de escrita, receberam o dinheiro que lhes era devido depois da falência em 2001.

À porta do Tribunal do Comércio de Gaia, o ambiente descrito hoje pelo "Jornal de Notícias" era de alegria. "Sorrisos, abraços, palmadas nas costas, projectos para o futuro".

Os cheques variavam entre os 34 euros e os 46 mil euros. "Vou liquidar a minha casa e depois vou fazer umas férias com a minha mulher", contava ao "JN" Fernando Tavares, que passou 35 anos na Molin.

Ontem, 160 trabalhadores receberam créditos no valor total de 1,1 milhões de euros. A Molin entrou em processo de falência em 2011. A banca pretendeu reclamar prioridade nos créditos, mas o tribunal não lhe deu razão. O caso foi até ao Supremo tribunal que revogou um segundo acórdão que gradua em primeiro lugar os créditos da banca.

Ao valor das indemnizações que os trabalhadores receberam foi deduzido o montante do fundo de garantia salarial, que cada um já recebeu da Segurança Social, em média na ordem dos 5.600 euros, indicou o sindicato.

A Molin foi criada em 1948 por Mário Lino. Produzia material técnico e escolar.
Ver comentários
Saber mais Molin falência créditos trabalhadores
Outras Notícias