Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Volume de negócios na indústria aumentou 3,1% em Junho

O índice de volume de negócios na indústria avançou 3,1% em Junho face a igual período do ano passado, evolução que se segue ao crescimento homólogo de 0,3% verificado em Maio. Também o emprego, horas trabalhadas e remunerações na indústria cresceram em termos homólogos.

David Santiago dsantiago@negocios.pt 07 de Agosto de 2015 às 12:42
  • Partilhar artigo
  • 7
  • ...
Os dados divulgados esta sexta-feira, 7 de Agosto, pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), mostram que o índice de volume de negócios na indústria avançou, em termos homólogos, 3,1% em Junho, naquele que é o quarto mês consecutivo com uma variação homóloga positiva.

O INE justifica a melhoria verificada face ao crescimento homólogo de 0,3% registado em Maio com o facto de o mês de Junho de 2015 ter tido mais um dia útil do que o mesmo mês do ano passado.

No que diz respeito à variação mensal, em Junho o índice de volume de negócios na indústria registou um crescimento de 5,1%, valor que compara com o aumento de 0,3% obtido no mês anterior.

Já o índice referente ao mercado nacional obteve um crescimento homólogo de 0,4% em Junho, enquanto o índice relativo ao mercado externo avançou 6,5%.

No que diz respeito à evolução do índice agregado, verifica-se que em Junho os índices de bens intermédios e de bens de consumo registaram crescimentos de 6,0% e 3,2%, respectivamente, evolução que se segue às diminuições de 0,5% e de 1,8% obtidas no mês anterior.

Os dados hoje divulgados pelo INE confirmam ainda que o índice de emprego na indústria avançou 1,2% em Junho comparativamente com igual período de 2014. Evolução segue-se à subida de 0,9% alcançada em Maio. Em termos mensais, o emprego na indústria cresceu em Junho (+0,3%) pelo sétimo mês consecutivo.

Ainda no sector da indústria, o índice que mede o nível de remunerações também cresceu 1,5% em Junho face ao período homólogo. O que representa um abrandamento face à variação homóloga positiva de 3,5% que havia sido registada em Maio. As remunerações também cresceram 7,3% no que diz respeito à variação em cadeia, depois da uma subida de 0,4% obtida em Maio deste ano.

Por fim, também o índice de horas trabalhadas na indústria avançou em Junho, quer em termos homólogos quer em cadeia. Este índice cresceu 3,3% em Junho relativamente ao mesmo mês do ano anterior, evolução que se segue à descida de 1,2% alcançada em Maio. Entre Maio e Junho de 2015, este índice cresceu 1,2%, depois de em Maio ter caído 1,1%.
Ver comentários
Saber mais INE Volume de negócios nos serviços Remunerações Horas trabalhadas conjuntura indústria
Outras Notícias