PME Conduza o seu "smartphone"
PME

Conduza o seu "smartphone"

Entretenimento para qualquer pessoa, em qualquer lugar. No DriveMyPhone, o comando é seu.
Ana Pimentel 12 de maio de 2011 às 10:28
Para o futuro, Aldric Négrier quer comercializar produtos relacionados com o DriveMyPhone à escala global.


Projecto DriveMyPhone
Área de actividade Controle de sistemas inteligentes
Promotores Aldric Négrier
Universidade do Algarve


Aldric Négrier tem 31 anos, é mestre em Engenharia Electrónica e Telecomunicações e investigador na Universidade do Algarve. Concorreu ao I2P com o projecto DriveMyPhone, na área do controlo de sistemas inteligentes, e levou uma Menção Honrosa para casa. Em causa, está o entretenimento. O projecto DriveMyPhone é constituído por uma plataforma móvel que pode controlar um "smartphone" à distância, através da rede de internet ou de Wi-Fi (sem fios).

"O principal objectivo é permitir que qualquer pessoa, em qualquer lugar, possa conduzir o seu smartphone, ou o smartphone de outras pessoas, usufruindo de uma experiência inovadora de entretenimento", explica o promotor.

O projecto surgiu no seguimento do trabalho que Aldric Négrier realizou para a sua tese de mestrado. "A ideia inicial surgiu no âmbito da iniciativa e.escola (PC portátil com banda larga móvel) e durante uma visita à Exposição de Robótica, promovida pela Sociedade Portuguesa de Robótica na Feira da Juventude, Qualificação e Emprego (FUTURÁLia 08)", explica. O mercado de robótica de entretenimento e lazer não possui nenhum produto com as características do DriveMyPhone. Por isso, não tem dúvidas que o seu projecto é uma mais-valia para o mercado.

Foi a primeira vez que a Universidade do Algarve participou no I2P. De entre os projectos apresentados no concurso "Ideias em Caixa 2010", organizado pelo Centro Regional para a Inovação do Algarve (CRIA) e com o alto patrocínio da Caixa Geral de Depósitos, seleccionou o DriveMyPhone. Queriam estabelecer contactos empresariais e comerciais, conseguir um apoio financeiro ou uma parceria de negócio para poderem avançar para a concretização da empresa.

A Menção Honrosa foi mais um incentivo ao trabalho de Aldric Négrier. A participação no concurso permitiu-lhe entrar em contacto com as outras equipas I2P e com vários especialistas
em empreendedorismo. "Partilharam connosco a 'receita' de como transformar uma boa ideia num bom produto", explica. Além disso, ainda permitiu que o mestre se mantivesse a par das últimas tecnologias. Está a um passo de criar a sua empresa.



Marketing Automation certified by E-GOI