Produtividade e Inovação Corticeira Amorim investe em solução que garante que gosto a rolha não é detectado

Corticeira Amorim investe em solução que garante que gosto a rolha não é detectado

A Corticeira Amorim desenvolveu a NDTech, uma tecnologia que permite aos produtores de vinho usarem "rolhas de cortiça natural, com garantia de TCA não detectável", ou seja, que não é detectado o sabor a rolha nos vinhos.
Corticeira Amorim investe em solução que garante que gosto a rolha não é detectado
Miguel Baltazar
Negócios 16 de maio de 2016 às 09:58

A Corticeira Amorim desenvolveu uma tecnologia inovadora para a indústria de rolhas que permite aos produtores de vinho terem rolhas feitas de cortiça natural "com garantia de TCA não detectável". O Trichloroanisole (TCA) é um composto químico que é responsável pelo gosto a rolha nos vinhos. A Corticeira Amorim investiu dez milhões de euros, ao longo de cinco anos, em investigação em parceria com uma empresa internacional especializada em cromatografia gasosa.

De acordo com o comunicado enviado às redacções, a "NDTech é uma tecnologia de ponta que possibilita uma revolução em termos de controlo de qualidade, na medida em que introduz pela primeira vez uma triagem individual nas linhas de produção das rolhas de cortiça, baseada em cromatografia gasosa, uma das análises químicas mais sofisticadas do mundo".

Segundo a mesma fonte, por norma uma análise de cromatografia gasosa demora cerca de 14 minutos, mas com a solução desenvolvida pela empresa de cortiça portuguesa este teste pode ser feito em cerca de 20 segundos. "Com uma precisão incrível, NDTech é capaz de detectar qualquer rolha de cortiça que apresente mais de 0,5 nanogramas por litro (partes por trilião) de TCA, removendo-a automaticamente da linha de produção".

António Rios de Amorim, CEO da Corticeira Amorim, refere em comunicado que aposta da companhia em fazer chegar ao mercado "rolhas de cortiça de qualidade tem sido determinante" para a consolidação da Corticeira Amorim "como líder da indústria que, nos últimos cinco anos, viu as suas vendas de rolhas passaram de três mil milhões para um número recorde de 4,2 mil milhões em 2015".

O desempenho de NDTech está a ser validado por organismos de investigação associados ao sector vinícola: a germânica Geisenheim University e o australiano Australian Wine Research Institute. "A tecnologia NDTech será inicialmente aplicada à gama de rolhas naturais premium da Corticeira Amorim".

 




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI