Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Acções da Veritas caem na Europa com revisão de previsões em baixa

As acções da Veritas chegaram a cair 22% na Europa, depois da fabricante de «software» de armazenamento de dados ter revisto em baixa as estimativas de vendas e lucros para o segundo trimestre deste ano.

Ana Torres Pereira atp@negocios.pt 17 de Abril de 2002 às 11:25
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
As acções da Veritas chegaram a cair 22% na Europa, depois da fabricante de «software» de armazenamento de dados ter revisto em baixa as estimativas de vendas e lucros para o segundo trimestre deste ano.

Os lucros da empresa no segundo trimestre deste ano deverão situar-se entre os 0,12 e os 0,15 dólares por acção (0,13 e 0,17 euros), face aos 0,15 (0,17 euros) inicialmente previstos.

As vendas neste período deverão ficar compreendidas entre os 340 milhões e os 370 milhões de dólares (385,1 milhões e 419,1 milhões de euros), disse Gary Blomm, presidente executivo da empresa, em «conference call», citado pelas agências internacionais.

A anterior previsão da companhia apontava para receitas trimestrais na ordem dos 396,8 milhões de dólares (449,4 milhões de euros).

No primeiro trimestre, a Veritas registou um lucro de 44,5 milhões de dólares (50,4 milhões de euros), o que compara com os 156,1 milhões de dólares (176,8 milhões de euros) de prejuízos obtidos no período homólogo.

As vendas relativas aos primeiros três meses do ano caíram 4,4% para os 370,5 milhões de dólares (419,6 milhões de euros), divulgou a empresa em comunicado.

Estes resultados foram impulsionados pela redução de 203 milhões de dólares (229,9 milhões de euros) em custos relacionados com a amortização do «goodwill», a diferença entre o valor líquido das obrigações adquiridas e o preço pago.

A Veritas encerrou ontem a valorizar 2,36% para os 36,86 dólares (41,53 euros).

Ver comentários
Outras Notícias