Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

BT anuncia corte de 10 mil postos de trabalho após quebra nos resultados

A BT Group, a maior operadora de telecomunicações do Reino Unido, anunciou hoje que vai avançar com um plano de redução de 10.000 postos de trabalho, este ano, com o objectivo de aumentar a rentabilidade da empresa, isto depois de ter anunciado uma quebra nos lucros do segundo trimestre fiscal.

Paulo Moutinho 13 de Novembro de 2008 às 10:32
  • Partilhar artigo
  • ...
A BT Group, a maior operadora de telecomunicações do Reino Unido, anunciou hoje que vai avançar com um plano de redução de 10.000 postos de trabalho, este ano, com o objectivo de aumentar a rentabilidade da empresa, isto depois de ter anunciado uma quebra nos lucros do segundo trimestre fiscal.

A maioria dos cortes será “indirecto”, através de reduções de postos de trabalho nas agências e em trabalhadores “offshore”, salienta a BT Group, em comunicado citada pela agência Bloomberg. A redução de um total de 10 mil postos será efectuada até ao final deste ano.

O anúncio foi feito depois da companhia ter revelado um EBITDA, excluindo custos com redução de pessoal, terem caído para 1,43 mil milhões de libras (1,71 mil milhões de euros), dos 1,45 mil milhões obtidos em igual período do ano passado, valor que ainda assim superou a média das estimativas dos analistas.

Os especialistas consultados pela Bloomberg antecipavam um EBITDA de 1,37 mil milhões, com receitas de 5,24 mil milhões de libras (6,27 mil milhões de euros). As vendas da BT Group cresceram 4,1% para 5,3 mil milhões superando, ligeiramente, as previsões.

A BT já tinha alertado no final de Outubro que o EBITDA do segundo trimestre fiscal ficaria “ligeiramente abaixo das expectativas”. A empresa sustentava a quebra com a menor redução de custos do que o esperado e um desempenho desapontante na unidade de serviços a nível global e no Reino Unido.

Ver comentários
Outras Notícias