Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Governo empenhado em garantir “rápido desenvolvimento” da TDT

O Governo congratulou-se hoje com o facto de terem sido apresentadas duas propostas para o concurso da Televisão Digital terrestre, garantindo que “está fortemente empenhado em garantir um tão rápido quanto possível desenvolvimento da TDT em Portugal”.

Negócios negocios@negocios.pt 23 de Abril de 2008 às 18:39
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O Governo congratulou-se hoje com o facto de terem sido apresentadas duas propostas para o concurso da Televisão Digital terrestre, garantindo que "está fortemente empenhado em garantir um tão rápido quanto possível desenvolvimento da TDT em Portugal".

A Portugal Telecom (PT) e a Airplus entregaram esta tarde a proposta para o concurso da televisão digital terrestre. A PT entregou a proposta para os canais gratuitos e pagos e a Airplus, tal como o previsto, só entregou a proposta para os pagos.

Em comunicado, o Ministério das Obras Públicas, Transportes e Comunicações adianta que "com este concurso, o Governo dá um passo decisivo para proceder ao fecho do sistema analógico de radiodifusão televisiva em 2012, pondo termo a um ciclo de indecisão e de frustração das expectativas criadas".

Congratulando-se com o facto de mais de uma empresa ter manifestado interesse na TDT, o ministério de Mário Lino diz que está reforçada a "a perspectiva, de que, até 2011, a população portuguesa poderá ter ao seu dispor uma plataforma televisiva digital inovadora, tecnologicamente avançada e competitiva, e de que Portugal poderá beneficiar, em breve, do dividendo digital que resultará do fecho do sistema de difusão analógica (switch-off), abrindo caminho ao desenvolvimento de novos serviços como o "mobile TV".

Acrescenta que "o Governo está fortemente empenhado em garantir um tão rápido quanto possível desenvolvimento da TDT em Portugal", sendo que foi por esse motivo que a "contribuição para a massificação da televisão digital terrestre constituirá o mais importante critério de avaliação das propostas que se apresentaram a concurso, tanto no que se refere ao Multiplexer A, como aos Multiplexers B a F".

Ver comentários
Outras Notícias