Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Hospital malaio vai funcionar com software português

O Penang Adventist Hospital, na Malásia, vai implementar o Alert Paper Free Hospital, um software português que faz o registo digital dos procedimentos clínicos na totalidade dos serviços do hospital, eliminando a utilização do papel.

Carla Pedro cpedro@negocios.pt 01 de Fevereiro de 2008 às 18:10
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O Penang Adventist Hospital, na Malásia, vai implementar o Alert Paper Free Hospital, um software português que faz o registo digital dos procedimentos clínicos na totalidade dos serviços do hospital, eliminando a utilização do papel.

A instituição de saúde assinou um contrato com o grupo português Alert, que engloba ainda a implementação do Alert Referral (produto comercializado em Portugal com a marca Alert P1), para a gestão de consultas de especialidade entre centros de saúde e hospitais, informa a empresa portuguesa em comunicado.

Criado em 1924, o Penang Adventist Hospital é uma organização de solidariedade social, integrada numa rede internacional de instituições de saúde que engloba mais de 500 unidades. Com esta solução de sistemas de informação clínicos integrados, o Penang Adventist Hospital irá operar num ambiente totalmente livre de papéis.

Para Dató Teddric Mohr, CEO do Penang Adventist Hospital, "ao adquirir soluções Alert, que nos conduzem de sistemas baseados no papel para sistemas livres de papel, esperamos atingir uma mudança significativa nos resultados face aos pacientes e melhorar o atendimento".

O grupo Alert assinou também um acordo de distribuição com a empresa Award Consortium para a comercialização da Suite Alert no sector público da Malásia, salienta o comunicado.

Estas iniciativas fazem parte do projecto de internacionalização do grupo Alert, que já tem uma subsidiária em Singapura, a Alert Life Sciences Computing Asia. Além disso, está também presente directamente - através de subsidiárias – nos Estados Unuidos, Brasil, Holanda e Espanha.

A casa-mãe tem sede no Porto e foi criada em 1999 sob o nome MNI – Médicos na Internet, Saúde na Internet, S.A., pelo médico e investigador Jorge Guimarães.

A Suite Alert traduz-se num conjunto de soluções para apoio aos procedimentos clínicos em instituições de saúde. Este software faz o registo digital de dados e procedimentos clíniocos relativos aos pacientes, eliminando o uso do papel no decorrer do processo.

Outras Notícias