Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

iCloudgate: Google pode ser processada em 100 milhões de dólares

O advogado – que representa mais de uma dezena de celebridades afectadas pelo ataque informático – considera que a Google está a ter um "comportamento antiético flagrante".

Jennifer Lawrence venceu o prémio de melhor actriz e protagonizou um dos momentos da noite ao cair quando subia ao palco para receber o prémio
Reuters
Wilson Ledo wilsonledo@negocios.pt 02 de Outubro de 2014 às 14:25

Uma carta assinada pelo advogado Marty Singer está na base dos novos desenvolvimentos do iCloudgate. No documento, citado pelo site Page Six, Singer ameaça processar a Google em 100 milhões de dólares se as fotografias de celebridades nuas – tornadas públicas no caso que ganhou o nome de iCloudgate – não forem removidas das plataformas da tecnológica americana.

 

O advogado – que representa mais de uma dezena de celebridades, embora não especificando quais – considera que a Google está a ter um "comportamento antiético flagrante". De acordo com o Page Six, Singer terá solicitado a remoção à Google apenas uns dias depois de as fotografias pirateadas terem chegado à internet.

 

A carta foi endereçada aos fundadores da Google Larry Page e Sergey Brin bem como ao "chairman" Eric Schmidt, especifica a imprensa internacional.

 

Entre as vítimas deste ataque informático contam-se Jennifer Lawrence (na foto), Kate Upton ou Rihanna. O caso deu-se no início de Setembro, despertando a atenção pública para as falhas de segurança na Apple, numa altura em que a empresa de Tim Cook preparava o lançamento dos novos iPhone 6.

Ver comentários
Saber mais Marty Singer Google Jennifer Lawrence Apple Tim Cook economia negócios e finanças tecnologias de informação ciência e tecnologia artes cultura e entretenimento Internet
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio