Tecnologias "iPhone" dos cigarros eletrónicos chega a Portugal em outubro

"iPhone" dos cigarros eletrónicos chega a Portugal em outubro

A Juul Labs lança em Portugal o seu cigarro eletrónico, que é apelidado do "iPhone" destes produtos, em outubro. Os dispositivos e as cápsulas poderão ser comprados em quatro mil pontos de venda em todo o território continental.
"iPhone" dos cigarros eletrónicos chega a Portugal em outubro
DR
Pedro Curvelo 12 de setembro de 2019 às 14:12
A fabricante de cigarros eletrónicos Juul Labs entra no mercado português em outubro, sendo este o 19.º país onde a empresa, um dos cinco maiores unicórnios mundiais, inicia operações.

Na apresentação realizada esta quinta-feira em Lisboa, o diretor geral da empresa em Portugal escusou-se a revelar os valores do investimento com a entrada no mercado nacional, referindo apenas que este "já foi reforçado" tendo em conta o interesse demonstrado pelo produto.

E, frisou Nelson Patrício, o "posicionamento da empresa em Portugal é idêntico ao dos restantes mercados onde está presente: somos um produto destinado a adultos fumadores, não se destina a não fumadores ou a jovens".


A apresentação em Portugal ocorre um dia depois de Donald Trump ter indicado que iria banir os cigarros eletrónicos com sabores nos EUA, sendo que a Juul apresenta oito tipos diferentes de cargas, que designa por Juul Pods, dos quais seis têm sabores, como menta, manga, pepino e baunilha.

Em Portugal, revelou Nelson Patrício, serão disponibilizados quatro sabores: tabaco, baunilha, menta e manga. No mercado nacional, o "starter kit", que inclui o dispositivo e quatro Juul Pods – um de cada sabor – custará 34,99 euros, enquanto os kits de recarga de 4 pods terão um preço de 11,99 euros e o de dois pods de 6,99 euros. As cápsulas, ou pods, à venda apresentam dois níveis diferentes de nicotina: 9 mg/ml e 18 mg/ml.

Grant Winterton, presidente da Juul Labs para a Europa, Médio Oriente e África (EMEA), referiu que a escolha do mercado português se deveu "em grande medida" ao facto de o país apresentar uma taxa de fumadores elevada, calculando-se que existam 1,6 milhões de fumadores adultos em Portugal.

"A nossa missão é contribuir para a redução do número de fumadores em todo o mundo, que atualmente ronda os mil milhões de pessoas", defendeu.

A Juul Labs foi fundada por Adam Bowen e James Monsees em 2015, tendo os primeiros dispositivos chegado ao mercado norte-americano no verão desse ano. Em junho do ano passado, a empresa angariou 1,2 mil milhões de dólares numa ronda de financiamento, avaliando a companhia em mais de 16 mil milhões de dólares.

E, a 20 de dezembro último, a tabaqueira Altria adquiriu uma participação de 35% na empresa por 12,8 mil milhões de dólares, o que colocou o valor da Juul Labs nos 38 mil milhões de dólares.


A startup faturou cerca de dois mil milhões de dólares no ano passado.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI