A carregar o vídeo ...
Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Paulo Ramos arrasa herança deixada por Silva Correia na ParaRede

Paulo Ramos, presidente da ParaRede, conta em conversa alargada, segredos sobre como encontrou a ParaRede, acreditando que as acções da companhia ainda podem subir mais e que só anunciou 20% dos negócios fechados.

Negócios negocios@negocios.pt 12 de Março de 2004 às 08:26
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Paulo Ramos conta, em conversa alargada com o Jornal de Negócios, segredos sobre como encontrou a ParaRede. Nunca nomeando o antecessor, diz que faltava controlo, que a carteira de negócios estava sobredimensionada e que a empresa caminhava para a equação indeterminada de zero custos e zero receitas, consequência de uma «reestruturação cega».

Ramos explica que só anunciou 20% dos negócios fechados. E que falta liquidez na bolsa.

«Vi analistas dizerem que os negócios que anunciámos não justificam a subida. Mas temos sido muitíssimo conservadores a anunciar o que ganhámos. Eu anunciei 20% dos negócios em que ganhei dimensão. Ainda temos muitos mais a anunciar, alguns de grande dimensão, em grandes empresas e com uma recorrência grande», disse Paulo Ramos.

(Entrevista na íntegra no Jornal de Negócios)

Outras Notícias