Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Prejuízos da Reditus aumentam 8,6% 2002 (act)

A Reditus registou um resultado líquido negativo, depois de interesses minoritários, de 836,5 mil euros em 2002, mais 8,6% que no ano anterior, anunciou a empresa de tecnologias.

Ana Torres Pereira atp@negocios.pt 17 de Abril de 2003 às 12:32
  • Partilhar artigo
  • ...
A Reditus registou um resultado líquido negativo, depois de interesses minoritários, de 836,5 mil euros em 2002, mais 8,6% que no ano anterior, anunciou a empresa de tecnologias.

As vendas e a prestação de serviços, em 2002, registaram um decréscimo de cerca de 30% para 16,19 milhões de euros.

O EBITDA, ou «cash flow» operacional, consolidado foi de 735,6 mil euros.

A Reditus, refere no mesmo documento, que a alienação da Repart, operadora do serviço de telecomunicações móvel usualmente designado por «trunking», conduziu a uma desvalorização de cerca de 40 mil euros na subsidiária Reditus II, e a um abate de cerca de 88 mil euros da situação líquida da Reditus SGPS, segundo a mesma fonte.

Quanto aos investimentos realizados pelo grupo no ano passado, a Reditus refere que foram efectuados gastos na ordem dos 1,12 mil euros, menos 23,8% em termos homólogos. A empresa salienta que este valor foi parcialmente amortizado no exercício.

No seguimento desta estratégia de aposta na investigação e desenvolvimento, a empresa nacional [RED] pretende continuar a «celebrar protocolos e acordos de parcerias, com universidades, pólos tecnológicos, fornecedores e outras entidades».

No âmbito do mercado internacional, a empresa de TI pretende continuar a celebrar parcerias, na medida em que este mercado já representa 21,5% do volume total dos proveitos. A Reditus está presente em França e Espanha.

Em 2003, a Reditus perspectiva que os resultados continuarão a ser «marcados pelo contexto económico negativo». A empresa continuará a realizar um «esforço de reorganização e saneamento da empresa, permitindo-lhe ser cada vez mais eficaz e responder de forma mais positiva às solicitações dos mercados em que actua», de acordo com a mesma fonte.

Reditus realiza reestruturação operacional

A Reditus, com vista a uma maior eficiência operacional, «na área das tecnologias da informação anteriormente conduzida pela InterReditus, se fizesse uma separação, distinguido vertentes que têm um ritmo de decisão diferente e uma forma distinta de gerir as operações».

Com esta alteração, a InterReditus irá manter as áreas de «help desk» tecnológico, «networking» e de manutenção e integração de sistemas, enquanto a Redware terá as áreas de formação, de «business process outsourcing» e de recursos especializados. A Reditus II de Telecomunicações desenvolverá «contact center».

Na Reditus SGPS, foi criada uma unidade de recursos partilhados, com responsabilidade sobre as empresas relativas a pessoal, administração e finanças.

A empresa reduziu os seus recursos técnicos operacionais em cerca de 25%, apostando na maior oferta «de maior qualidade e produtividade».

A Reditus seguia inalterada nos 0,93 euros.

Ver comentários
Outras Notícias