Tecnologias Prozis vai criar 1.600 empregos na Maia e Póvoa do Lanhoso
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

Prozis vai criar 1.600 empregos na Maia e Póvoa do Lanhoso

Líder europeu na venda online de suplementos alimentares, a Prozis prevê chegar aos 1.200 trabalhadores no centro de I&D do grupo, a abrir na Maia, e criar mais 400 empregos com a construção de uma nova fábrica no seu pólo produtivo instalado na Póvoa de Lanhoso.
Prozis vai criar 1.600 empregos na Maia e Póvoa do Lanhoso
Miguel Milhão controla o capital da portuguesa Prozis, que se apresenta como líder europeu em nutrição desportiva e alimentação funcional.
Paulo Duarte/Negócios
Rui Neves 20 de setembro de 2018 às 09:00

"Isto é uma loucura: crescemos 50% ao ano – em 2016 facturámos 60 milhões de euros, 84 milhões em 2017 e este ano prevemos fechar nos 120 milhões, com 80% de exportações para uma centena de paí)

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 22:00
Saiba mais
pub