Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PT pretende reduzir dívida no final de 2003 para 3,2 mil milhões de euros

A Portugal Telecom (PT) pretende chegar ao final de 2003 com um endividamento de 3,2 mil milhões de euros, segundo Horta e Costa em entrevista ao Financial Times. A acontecer este cenário, seria uma redução de 800 milhões de euros.

Pedro Carvalho pc@mediafin.pt 24 de Junho de 2003 às 11:18
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A Portugal Telecom (PT) pretende chegar ao final de 2003 com um endividamento de 3,2 mil milhões de euros, segundo Horta e Costa em entrevista ao Financial Times. A acontecer este cenário, seria uma redução de 800 milhões de euros.

Ontem, em entrevista ao Financial Times publicada hoje, Miguel Horta e Costa disse que quer chegar ao final de 2003 com um nível de endividamento de 3,2 mil milhões de euros.

No final do primeiro trimestre de 2003, a operadora contabilizou um nível de endividamento de 3,834 mil milhões de euros, depois de uma redução de 203 milhões de euros em três meses.

No final do ano passado, o endividamento da Portugal Telecom (PT) [PTC] ascendia a 4 mil milhões de euros, abaixo dos 4,5 mil milhões de euros anteriormente projectados pela operadora.

O BCP Investimento, numa nota a clientes, diz que o objectivo da PT de reduzir a divida para 3,2 mil milhões, é mais ambicioso do que os 3,48 mil milhões estimados pelo banco de investimento.

O presidente executivo disse ao diário inglês que «nos próximos três anos, vamos tentar ser uma das três operadoras europeias mais eficientes».

As acções da PT desvalorizavam 0,78% para 6,40 euros.

Ver comentários
Outras Notícias