Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

SAP aumenta lucros em 14% mas crescimento na Europa fica aquém das expectativas

A SAP, o maior produtor de «software» de gestão, anunciou que os resultados líquidos cresceram 14% no segundo trimestre, ganhando quota de mercado dos concorrentes dos EUA. Mas na Europa os resultados ficaram abaixo do esperado.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 22 de Julho de 2004 às 08:54
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A SAP, o maior produtor de «software» de gestão, anunciou que os resultados líquidos cresceram 14% no segundo trimestre, ganhando quota de mercado dos concorrentes dos EUA. Mas na Europa os resultados ficaram abaixo do esperado.

Os lucros ascenderam aos 249 milhões de euros, face a 219 milhões alcançados no ano passado, anunciou a empresa. Os resultados ficaram em linha com as previsões feitas pelos analistas consultados pela Bloomberg, que apontavam para um valor de 250 milhões de euros.

A SAP disse que o crescimento da empresa no mercado norte-americana acelerou devido ao aumento de clientes, como a PepsiCo, alcançando um total de 22.600 clientes, enquanto que na Europa o negócio foi afectado por «uma economia moderada». A empresa anunciou hoje que vai manter as previsões de receitas para este ano, depois das receitas com licenças de «software», uma medida de crescimento futuro, nos EUA, terem crescido 63%, no trimestre em análise, comparado com o crescimento verificado na Europa de 2%.

Nos EUA as receitas com as licenças, medida de crescimento futuro, ascendeu aos 140 milhões de euros. A empresa tinha anunciado ainda este mês aumento de vendas e lucros operacionais no trimestre com o aumento de encomendas, em detrimento da concorrência, como a PeopleSoft, que está a tentar escapar a uma aquisição por parte da Oracle.

O crescimento das receitas com as licenças na Europa, no Médio Oriente e na África ficaram aquém do esperado por alguns analistas.

As acções da SAP seguiam a cair 2,64% para 124,69 euros.

Ver comentários
Outras Notícias