Tecnologias Tesla prevê trimestre recorde. Carro submarino está na gaveta, minas na mesa

Tesla prevê trimestre recorde. Carro submarino está na gaveta, minas na mesa

O CEO da Tesla garante que o negócio vai de vento em popa neste segundo trimestre, mas as grandes revelações são projetos debaixo do solo - com Musk a admitir iniciar-se no setor mineiro - e debaixo de água - pois há o desenho de um carro submarino a marinar nos escritórios da Tesla.
Tesla prevê trimestre recorde. Carro submarino está na gaveta, minas na mesa
Reuters
Ana Batalha Oliveira 12 de junho de 2019 às 11:30

A reunião anual de acionistas da Tesla trouxe três novidades sonantes. Aquela que o CEO, Elon Musk, avançou como mais certeira, foi a de fechar este mês um trimestre recorde "a todos os níveis". Mas Musk surpreendeu também com a revelação de que a Tesla já tem o desenho de um carro submarino, inspirado num filme de James Bond, embora não pareça ter planos para o fabricar em série. Já o negócio mineiro é uma hipótese em consideração.

 

"É difícil ser lucrativo com uma elevada taxa de crescimento", comentou Musk, ao mesmo tempo que disse esperar ter um "saldo positivo em caixa" apesar destes desafios – numa altura em que a produção na China está no arranque e a crescer nos Estados Unidos. No trimestre passado a Tesla anunciou quebras de 702 milhões de dólares e avançou que os lucros não deveriam chegar até à última metade do ano.

 

"Eu quero ser claro, não há um problema de procura. Não o há, em absoluto", garantiu Musk, em referência aos três meses que terminam em junho. "As vendas excederam em muito a produção – e a produção foi muito boa". O CEO da Tesla afasta desta forma as preocupações que surgiram após ter sido revelada uma quebra de 31% na procura do primeiro trimestre.

 

Os planos da Tesla passam por lançar uma carrinha pickup este verão, mas não só: "podemos entrar no negócio mineiro – pelo menos um pouco", assumiu Musk.

 

Musk, Elon Musk, e o carro-submarino

 

Confrontado com a hipótese de fabricar um carro submarino, Elon Musk admitiu que os seus engenheiros já elaboraram um esboço. O CEO da Tesla considerou que este projeto serviria um público "pequeno" mas "entusiasta", mas acabou por o classificar apenas como uma possível "distração" que poderia vir a integrar a frota da Tesla apenas como um carro de exibição.

O projeto para o carro submarino foi inspirado no carro do filme de James Bond "The Spy Who Loved Me", o qual não funciona mas foi adquirido por Musk.







pub

Marketing Automation certified by E-GOI