Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Twitter passará a restringir conteúdos considerados "ofensivos" nalguns países

A rede social Twitter passará a censurar os conteúdos que sejam considerados "ofensivos" de acordo com a cultura de cada país.

Andreia Major amajor@negocios.pt 27 de Janeiro de 2012 às 12:10
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O Twitter anunciou ontem que irá começar a restringir os “Tweets” em países específicos, o que levanta questões sobre como é que as redes sociais vão lidar com o assunto da liberdade de expressão.

Este sistema de censura desenvolvido pelo Twitter pretende impedir que as mensagens que possam ser consideradas inadequadas em algumas culturas ou países possam estar ao alcance dos utilizadores desses países, de acordo com declarações do Twitter no seu blog, citado pelo “El Mundo”.

Para justificar a medida, o Twitter argumentou que a ideia da liberdade de expressão é entendida de formas diversas nos diferentes lugares e países do mundo, como é o exemplo dos governos de França e da Alemanha que proíbem a publicação de conteúdos relacionados com o nazismo.

“Até agora, a única forma que tínhamos para nos ajustarmos aos limites desses países era retirarmos os conteúdos globalmente. A partir de hoje, temos a possibilidade de reter conteúdos de utilizadores de um país específico, ao mesmo tempo que os mesmos estão disponíveis para o resto do mundo”, explicou o Twitter no seu blog.

A rede social não explicou detalhadamente nas suas declarações como irá determinar exactamente quais as mensagens que ultrapassam o direito à liberdade de expressão em cada país.

No entanto, na sua página de ajuda aos utilizadores o Twitter indica que o bloqueio de conteúdos irá acontecer caso uma “entidade autorizada” o solicite, de acordo com o “El Mundo”.

“No nosso esforço contínuo para que os nossos serviços estejam disponíveis em todas as partes, se recebermos um pedido válido e apropriado de uma entidade autorizada, pode ser necessário impedir o acesso de um certo conteúdo num país determinado de vez em quando”, indicou o Twitter.

A rede social reiterou que irá assegurar a transparência do processo de censura de “Tweets” e irá comunicar aos utilizadores cujo conteúdo tenha sido restringido.

Ver comentários
Saber mais Twitter rede social utilizadores liberdade de expressão conteúdos ofensivos restricção de conteúdos países sistema de censura
Outras Notícias